Propostas - Espelho - 3º ano

Espelho, espelho meu… – “Cada um é um!”

 A construção da identidade se dá por meio das interações da criança com seu meio, e tem fundamental importância na construção da percepção de si e do outro.

A autoimagem também é construída a partir das relações estabelecidas nos grupos em que a criança convive.

Um ambiente favorável, com muitas interações que trabalhe as particularidades de cada um, promove o reconhecimento das diversidades, fazendo com que a criança se aceite e se respeite e, ao mesmo tempo, contribui para a construção e estruturação da identidade e de uma autoimagem positiva.

O objetivo desta atividade é demonstrar aos alunos que cada um possui suas características, que todos somos diferentes, e que essas diferenças nos completam.

Deve-se confeccionar uma máscara idêntica para todos os alunos.

©Alexmit /Dreamstime.com
©Alexmit /Dreamstime.com

Eles giram em uma roda e, no chão, haverá duas marcas. Ao chegar à marca, cada um dos dois alunos tentará dizer quem é o colega, e assim por diante.

© .shock/Dreamstime.com
© .shock/Dreamstime.com

É importante que se enfatize sobre as características que recebemos geneticamente, como olhos, cabelos, altura.

Depois da atividade, faça uma análise sobre o quadro “Operários”, de Tarsila do Amaral, tratando da “igualdade dos operários” e o porquê da pintura da obra.

Variações da atividade: com os olhos vendados, perceber e identificar um ao outro através da voz e do tato.

Depois de ouvir as características dadas pelos colegas, agora é hora do próprio aluno trabalhar a percepção de si mesmo, provocando-o a falar sobre si, apontando suas qualidades e seus pontos fracos.

Apresente aos alunos uma caixa com um espelho dentro dela.

Ao apresentar a Caixinha, deixe claro que, dentro, há uma imagem de alguém muito importante e especial (enfatizar), e que cada aluno terá de falar dessa pessoa (pontos fortes e pontos fracos), mas sem deixar que os demais descubram quem é a pessoa da imagem (no caso, a imagem refletida).

Ao final, você deverá provocar para que os alunos digam como se sentiram falando de si mesmos.

Essa atividade deve ser registrada por meio de fotos, vídeos e relatos e enviadas à equipe Mundo Leitor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *